Gestão da carreira: você sabe fazer?

Diversos sentimentos rondam o mercado de trabalho. Estresse, ansiedade, medo, insegurança e incerteza são apenas alguns deles, principalmente para quem está encarando as primeiras oportunidades agora. A gestão da carreira vai ser importante para esse e outros contextos.

Não faz muito tempo que as transformações nas empresas começaram a ser mais perceptíveis. Mudanças geracionais e valorização do capital humano entraram em foco, assim como melhorias vindas com a adesão de novas tecnologias.

Mais do que nunca, as habilidades transversais, que não são iguais as adquiridas em um curso, serão importantes para quem deseja se manter relevante no mercado, principalmente quando aliadas ao autoconhecimento e domínio da vida pessoal e profissional.

Se você deseja fazer uma boa gestão da sua carreira para começar a ter destaque no mercado de trabalho, separamos algumas percepções do que está por vir.

Mapear oportunidades e tendências

Não restam dúvidas de que o mercado mudou e vai ser ainda mais exigente por adaptações. Por isso, fique de olho desde já nas tendências e profissões futuras, ou aquelas que estão dando uma aula sobre como se adequar a qualquer situação.

Se questionar sobre os caminhos do mercado de trabalho e quais habilidades e profissões serão mais valorizadas – assim como aquelas que deixarão de fazer sentido – é importante para buscar por ajustes na carreira.

Lembre-se: uma pesquisa para melhorar a gestão da carreira também deve prezar por saber quais indústrias e mercados têm potencial de crescimento e quais mudarão radicalmente. A agilidade de acompanhar isso fará toda a diferença.

Para saber, as empresas vão precisar desenvolver novas tecnologias para sobreviver no cenário atual e investir em produtos, serviços e experiências digitais.

Esta será a oportunidade de surfar nas habilidades tecnológicas, com aprendizado voltados para UX Design, Product Management, Ciência de Dados, Desenvolvimento de Software, Marketing Digital entre outras. É o momento para avaliar seu próprio crescimento.

Atitudes e comportamento

As ferramentas e conhecimentos digitais sozinhos não serão insuficientes. Eles deverão estar alinhados com uma nova atitude e comportamento. Neste momento, reavaliar esses pontos pode ser determinante para sua trajetória profissional.

Se antes a disciplina com horários, o cumprimento pontual de metas e o foco em resultados eram grandes valores para um profissional, hoje isso deixa espaço para outra atitudes como: liderança, automotivação, criatividade, comunicação efetiva, adaptabilidade, bom humor, relacionamento interpessoal e busca por conhecimento.

Na gestão da carreira, desenvolver esses novos pontos é tão importante quanto manter as capacidades técnicas. Se mostrar disponível para as pessoas e colocar essas habilidades em prática servirá para fortalecer seu lado humano e profissional.

Além disso, ter atitude e respeito junto com o domínio do verdadeiro conceito de produtividade (fazer mais sem prolongar o tempo de trabalho) será essencial para lidar com as diversas alterações na estrutura organizacional do mercado.

Ser humano

Com o alto nível de estresse pelo qual as pessoas passam diariamente, a luta para se manterem produtivas chega a ser muito complexa. Antes de tudo, para passar por isso, é mais do que necessário reconhecer como situações negativas te afetam individualmente.

O autoconhecimento é uma das lições que a gestão da carreira prega para que possamos avaliar como andam nossas emoções, reconhecer nossas forças e o que é capaz de nos desestabilizar em tempos de crise e pressão.

Apesar de começar com uma profunda reflexão individual, esse trabalho não precisa se limitar apenas ao “eu”. Conversar abertamente sobre os sentimentos e entender a perspectiva do outro, sem julgamentos, é uma forma de compartilhar e viver melhor a própria situação.

Além disso, hábitos e habilidades desenvolvidas dentro e fora da carreira profissional se tornam tão significativos que nos acompanham para o resto da vida. Por isso, pense na gestão da carreira como um processo para melhorar também como humano, e não apenas como profissional.

As empresas estão cada vez mais buscando perfis humanizados para trabalhar com elas. Saiba ser esse tipo de pessoa na graduação da Faculdade Pecege!