Mantenha uma rotina minimalista no seu dia a dia

Quem busca por uma rotina minimalista já entendeu que ter menos bens materiais pode significar mais qualidade de vida. Além de ser mais sustentável e satisfazer as necessidades atuais dos seres humanos sem, no entanto, comprometer o futuro das próximas gerações.

Tanto em casa quanto no trabalho, reduzir o uso de elementos e recursos é a principal proposta para você se reconectar com o que realmente importa. Como esse conceito é relativo, vale entender que a lógica consumista nos coloca no centro de cenários cheios, mas pouco eficientes e que nos distanciam dos nossos objetivos.

Consumir melhor, sem sentir a necessidade de comprar e com consciência do que você realmente precisa, implica em diminuir, também, a produção de lixo e os gastos com energia elétrica, caracterizando uma rotina minimalista também sustentável.

Independentemente de ser a sala de casa ou a mesa do escritório, limpar a desordem e eliminar as distrações proporciona um lugar mais propício para realizações e desenvolvimento de tarefas.

De olho nos radicalismos

Para garantir que sua rotina minimalista seja também saudável e sustentável é preciso ficar de olho em tudo que é excessivo ou por impulso. Tudo que será reduzido deve passar por uma avaliação, sem atitudes extremas.

O consumismo nos proporcionou, por exemplo, o crescimento dos “fasts”, como os fast food e a fast fashion, duas modalidades que buscam rapidez nas entregas, seja na montagem de um lanche ou no lançamento de novas coleções. Assim, o lixo também aumentou, consequência da descartabilidade das coisas, que perdem sua vida útil muito cedo.

Contudo, será que o caminho é não consumir mais nenhum dos “fasts”? Ou é possível mudar gradualmente alguns hábitos sem precisar radicalizar?

É importante fazer essas considerações também sobre os itens que você está pensando em se desfazer ou doar. A ideia de adotar uma rotina minimalista não é te deixar sem posses, mas manter o que é realmente útil ou que representa uma memória a ser preservada.

A dica de esperar 24 horas funciona tanto para avaliar antes de uma compra quanto para se livrar de algo. Assim, você passa a ter mais certeza sobre o destino adequado das coisas.

Mais e mais

Diminuir com certeza é a principal ação para chegar a uma rotina minimalista. Porém, também é interessante focar em tudo que essa prática tem para nos acrescentar. Liberdade, espaço livre e melhores relacionamentos são alguns exemplos que agregam.

Considerando a dificuldade do nosso cérebro em reconhecer a palavra “não” e que ao falarmos “menos”, automaticamente, o que vem na sequência não é interpretado como algo que devemos nos livrar, que tal focar em mais abundância e positividade?

Na vida financeira

Como o dinheiro é sempre tema de discussões, seja em momentos de boa economia ou de crise, uma rotina minimalista tem impacto nas finanças. Adotar esse estilo de vida impacta em cortar as despesas mensais desnecessárias e automatizar as transações financeiras e relatórios de controle pessoal.

Tudo isso resulta em prioridade de gastos. Afinal, o minimalismo te encoraja a abraçar as coisas que realmente são importantes para você, influenciando o modo como você gasta seu dinheiro.

No trabalho

Papéis, lembretes, anotações, enfeites e itens pessoais estão constantemente dispostos em nossa mesa de trabalho e distrações visuais tem a ver com níveis de estresse. Um ambiente assim demanda grande concentração, por horas. Então, organizar e limpá-lo é uma boa opção para coordenar a mente.

Também é possível ter uma rotina minimalista nas roupas que você seleciona para trabalhar. O uso de uniforme, por exemplo, auxilia no dia a dia e ainda permite que você dedique sua energia mental em outras decisões. E a ideia do uniforme pode ser colocado em prática mesmo que de forma independente. Você pode estabelecer algumas peças de roupas para usar exclusivamente no trabalho e separar em alguma gaveta específica para isso.

Gostou do tema? Compartilhe com quem também pode curtir uma rotina minimalista!

09 de Dezembro
19hs
Venture Building e as Startups e lançamento do "PECEGE Go Academy"
Palestrante - Joaquim Henrique da Cunha Filho
10 de Dezembro
19hs
Empreendedorismo como opção de carreira
Palestrante - Anderson Santos
11 de Dezembro
19hs
7 competências para acessar mercado
Palestrante - Eduardo Soriano