Estar consciente dos pensamentos e ter melhor controle das emoções e do corpo são princípios do mindfulness. O conjunto de exercícios permite que o praticante adote atitudes diante de fenômenos presentes na mente consciente. Praticar mindfulness em casa é um dos primeiros passos para entender pensamentos, memórias, sensações, emoções etc.

A técnica combina uma série de meditação que pode ser feita durante uma pausa ou ao longo de um dia. Por meio da atenção plena, é possível perceber melhor tudo que faz parte do momento presente.

Esse método é muito recomendado para pessoas que sofrem de distúrbios emocionais ou até mesmo por quem se interessa e deseja desenvolver a inteligência emocional.

Saiba como começar a exercitar a atenção plena em casa com pequenas atitudes.

Ambiente ideal

Com rotinas tão dinâmicas e exigentes, é cada vez mais importante separar um espaço para estar conectado consigo mesmo. Por isso que um ambiente tranquilo é o primeiro passo para praticar o mindfulness em casa.

Tenha um cantinho iluminado e com poucas distrações. Quanto menos interferência externa, melhor será a concentração. Ambientes iluminados e com estímulos sensoriais, como sons da natureza e cheiros neutros (ou agradáveis, que relaxam) também são recomendados.  

Meditar e coçar é só começar

Não são necessários longos períodos para meditar. É possível iniciar as técnicas dos mindfulness separando 10 ou 15 minutos do dia.

Aos poucos, acrescente mais tempo, sempre pensando que esse é um momento de estar consigo e olhar para dentro. Tudo que exige atenção pode ser beneficiado pela prática como refeições, trabalhos, limpezas e até mesmo o lazer.

Quebrando hábitos

Toda rotina é desgastante em algum momento. Por esse motivo, a quebra tem aspectos positivos sobre como nos conectamos com nosso interior.

O mindfulness em casa, apesar do nome, pode ser realizado fora também. Um bom exemplo é ir sozinho a um lugar totalmente novo, comer em um restaurante nunca frequentado ou ver a um filme que normalmente não veria. Após isso, analisar todas as emoções despertadas com a quebra da rotina e tentar repetir esse exercício sempre que se sentir preso a um hábito.

Escovando os dentes

Muitos de nós tentamos otimizar ao máximo todo o tempo que temos durante o dia. Inclusive durante tarefas simples, como o escovar dos dentes. Quantas vezes você saiu andando pela casa resolvendo alguma coisa com a escova na boca?

Ao escovar os dentes, se atente ao que vê no espelho. Observe os movimentos que faz com a escova, em todos os dentes, sinta o ato da limpeza. Este exercício melhora a agitação e acalma os movimentos involuntários do corpo.

3 minutos de escaneamento corporal

Antes de dormir é muito recomendado relaxar. Tente transferir a atenção para a respiração por três minutos. Perceba como o ar entra e sai dos pulmões, sinta seus batimentos.

Quando estiver deitado, “ande” mentalmente por todas as partes do seu corpo e sinta cada uma delas. O que cada uma dela sente ao tocar as roupas de cama. Tenha consciência global de tudo o que acontece com seu corpo enquanto se concentra plenamente no seu eu.

De todos os exercícios de mindfulness em casa, esse é ótimo para ajudar a dormir.

Alimentação

É um ato quase unânime: não conseguimos nos distanciar de eletrônicos até mesmo durante as refeições. Se não estamos em frente à televisão, temos na mão o celular roubando nossa atenção.

Evitar esses dispositivos é somente um dos passos. Outra sugestão é tentar não conversar e prestar mais atenção na mastigação, sabores, cores e texturas.

Comer com atenção plena é importante para diminuir a agitação mental e nos concentrar no que estamos de fato comendo. Por isso a técnica é tão indicada para quem está em processo de reeducação alimentar.

Você já pratica o mindfulness?

Descubra também qual é o seu tipo de inteligência.

Mais recentes

Imagem blog

Digitalização de empresas: o presente e o futuro da economia de mercado

Diante da evolução tecnológica, existe uma tendência de digitalização de empresas. É possível perceber esse movimento...
Imagem blog

Desenvolvedor Full Stack: o profissional multitarefa

Empresas buscam cada vez mais por profissionais que tenham habilidades em diversas áreas para uma atuação multidisciplinar...
Imagem blog

Confira as Soft Skills valorizadas nas carreiras em tecnologia

Soft Skills é o termo que se popularizou entre recrutadores e profissionais para identificar habilidades que desenvolvemos a...

Dúvidas?

Atendimento Acadêmico

+55 (19) 2660-3366

Segunda a sexta-feira, das 8h às 23h

infosfaculdade@pecege.com